As razões.


Por que eu escrevo? Para organizar meu fluxo de ideias ao longo do tempo. Eternizar os meus achismos. Perpetuar minha ignorância sabida cheia de si. Obviamente não pretendo dividir meus pensamentos mais íntimos, apenas minhas ideias mais abrangentes. Além de parte do que eu faço pelo mundo e vejo do mundo. Entediante, eu sei.

Como aqui divido ideias, pensei em deixar habilitado os comentários. Contudo sabendo que o ser humano não é de deus, decidi bloquear tal função. Eu poderia acreditar que existiriam conversas onde as ideias seriam expostas e honestamente compreendidas. Ao final as minhas ideias passariam pelo método científico: ou conseguiriam provar os outros errados ou teriam de mudar, pois estão erradas em parte ou todo.

Portanto se alguém sentir a vontade ou mesmo necessidade de me corrigir, basta enviar um e-mail.

Postagens mais visitadas